sexta-feira, 8 de abril de 2016

A História de Ferdinando


 
A História de Ferdinando
Munro Leaf (Texto)
Robert Lawson (Ilustração)
Carla Maia de Almeida (tradução)
Kalandraka (2016)
 





Um clássico de 1936 recentemente editado pela Kalandraka. Prova de que bons livros permanecem sempre atuais.  
Esta é a obra mais conhecida do autor americano Munro Leaf, cujas ilustrações, a preto e branco, cheias de pormenor com alguma proximidade ao cartoon, realizadas por caneta de aparo, subsistem às da época de seu lançamento. Segundo consta, a ideia inicial foi uma encomenda do próprio ilustrador a Munro Leaf.

Em 1938, a Walt Disney produz a curta-metragem realizada por Dick Rickard, adaptando a referida estória, tendo sido aquela premiada com um Óscar.

O livro foi lançado originalmente antes da eclosão da Guerra Civil Espanhola, tendo sido proibida a sua publicação em diversos países, considerado como ideologia não grata. Em Espanha, país onde decorre a narrativa, foi proibida por ser considerada uma crítica à referida Guerra. Na Alemanha nazi, Hitler ordenou que fosse queimada.

A mensagem deste livro contudo é simples e sempre atual. Referências à individualidade, promove ideias pacifistas, contando a estória do personagem principal que prefere as coisas simples da vida ao invés de lutar. Contrariando o expectável num touro, o seu anseio é viver em paz, em contacto com a beleza e tranquilidade da natureza bucólica.

Censurado por uns, elogiado por outros, esta obra com várias traduções, foi selecionada como um dos dez clássicos em prol da paz e da tolerância pela Internationale Jugend Bibliothe.

É um livro de referência na prosa poética, com um subtil toque de humor em defesa do pacifismo, da individualidade e da diferença por oposição à cumplicidade coletiva da espécie humana face à violência.  
 
 
 
Elvira Cristina Silva
 

Sem comentários:

Publicar um comentário